quinta-feira, 1 de setembro de 2016

POESIA DE HELENA MEDEIROS

Mensajes de Luz , publica nesta primeiro de setembro , poesia de autora cearense , que nos foi remetida , pela amiga  Maria Helena Medeiros , nos versos  descritos abaixo  :

    ASAS  DE  LIBÉLULA 

Um dia
Sem tempo , nem data
Romperei as amarras 
Da quimera . . .
Libertarei meu casulo .

Esticando minhas asas
De Libélula
Em direção ao Véu
Dourado da Luz !

Compartilharei com pássaros
As gotas do orvalho
A brisa da madrugada 
O manto aconchegante da noite .

Finalmente , cansada
Pousarei delicada
Nos livros de Neruda .

         Nelly Egypto

Querida amiga Helena :  Parabenizo  pela escolha do poema ,
de muito bom gosto e sensibilidade .
A autoria é de uma conhecida poetisa e escritora cearense da 
nova geração , que tem também muitos outros poemas em seu 
livro  " Preto no Branco "  publicado em 1998 , pela ala feminina 
da academia cearense de letras .
Para conformar o tema poético indicado por você , fui buscar na melodia  " No Me Compares " de Alejandro Sanz em parceria
com nossa estrela Ivete Sangalo a apresentação de agora .
A captação como sempre faço , no site do Youtube , a imagem 
foi extraída da Internet .
Postagem dedicada a tua linda pessoa , e amigos visitantes .
A todos , desejos de Paz e Bem.
Jerônimo Sales .



              https://www.youtube.com/watch?v=o_F4Fybb06w 

                 Use fone de ouvido e siga o link acima   :


2 comentários:

Maria Ilza Santos de Sousa Alves disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Maria Ilza Santos de Sousa Alves disse...
Este comentário foi removido pelo autor.